Acreditar e Agir para alcançar o Sucesso

Durante minhas palestras percebo que muitas pessoas são profundamente tocadas pela mensagem que estou passando, tornando-se inspiradas a acreditarem em seus objetivos e motivadas a agirem.

Entretanto, é evidente que nem todas aquelas pessoas irão manter a inspiração e a motivação elevadas, pois os obstáculos, velhos para algumas, e novos para outras, limitarão os sonhos e atitudes, impedindo-as de acreditar que podem alcançar seus sonhos ou de agirem de forma eficiente para tal.

Há duas coisas inseparáveis para alcançar qualquer objetivo em nossas vidas, quais sejam, acreditar e agir. Mas, não de forma superficial.

Acreditar compreende muito mais do que simplesmente imaginar algo ou alguma situação. Trata-se do resultado de uma análise profunda sobre a conveniência do que se está imaginando (se é bom para mim, para os outros e para a sociedade), se é realmente necessário e, obviamente, se pode ser alcançado. É no último quesito que os sonhos são abandonados, continuam no plano de sonhos, tornam-se pesadelos ou constituem-se no diferencial das pessoas de sucesso.

Analisar se um sonho pode ser alcançado vai muito além de querer alcança-lo ou de verificar os meios disponíveis para tal. Envolve a fixação na mente de todos os detalhes possíveis, todos os meios a serem empregados, os obstáculos a serem superados e, principalmente, a felicidade em desfrutar dos resultados almejados. Pois, você somente chegará aonde sua mente chegar primeiro.

Já o agir não é tão fácil como o acreditar. Primeiro, porque envolve a exteriorização do que foi imaginado, sujeitando ao crivo das outras pessoas, que podem contribuir ou até atrapalhar. Segundo, porque requer coragem, pois além de haver a possibilidade de envolver a quebra de paradigmas, assustando quando se faz algo de forma diferente do que sempre se fez, também há o fato de que o emprego dos meios ou instrumentos necessários despendem recursos, muitas vezes escassos ou facilmente esgotáveis. E terceiro, porque requer determinação, onde os conceitos de erro e acerto são relativizados de tal forma que fracasso também pode significar importante degrau para o sucesso.

Assim, quando se fala em acreditar e agir para alcançar o sucesso, devemos ter a noção do dinamismo que envolve essas duas atitudes, lembrando sempre que, quanto mais concreto se imaginar, menos abstrato estará o agir.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *